Últimas Notícias

PREFEITO É FLAGRADO DE MÃOS DADAS COM UMA PITELZINHA EM UM SHOW DE FORRÓ

O prefeito de Santa Inês-MA, Ribamar Alves, marido da ex candidata a deputada federal, Luana Alves, derrota nas eleições do dia 05/10, tem a fama de 'mulherengo' e faz questão de mantê-la. Isso já lhe rendeu várias confusões com a 'patroa', que após ver as fotos abaixo, poderá rodar a baiana mais uma vez. Ribamar Alves, que gosta de 'coisa boa', foi flagrado desfilando de mãos dadas com uma 'pitelzinha' em show realizado na capital cearense. 

Ribamar Alves 1Ribamar Alves 2

Ribamar Alves 3

A CIDADE MAIS 'DILMISTA' DO MARANHÃO VIVE NA MISÉRIA TOTAL

A miserável cidade de Belágua-MA, lidera vários rankings nacionais. O mais recente foi divulgado em 5 de outubro ultimo: foi o município que deu a maior vitória para Dilma Rousseff (PT) no primeiro turno: 92%, contra 4% de Marina Silva (PSB) e 2% de Aécio Neves(PSDB). Fora isso, a cidade aparece no pódio das piores rendas per capita do país, segundo o IBGE. Por lá, as pessoas vivem com R$ 146 mensais. Só outras duas localidades maranhenses, Marajá do Sena e Cachoeira Grande, têm rendimento inferior, pelos números do IBGE (Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística). A cidade também é medalha de bronze entre os de municípios com maior porcentagem de miseráveis dentro de sua população, em lista elaborada pela FGV (Fundação Getúlio Vargas). Por lá, 93% vivem abaixo da chamada linha da miséria (em regra, a marca é de R$ 70 mensais), número só superado pelas cidades de Centro do Guilherme (MA) e Jordão (AC). Pelos dados do governo federal, Belágua também está no top 10 do Bolsa Família. O município tem 96% de suas famílias cobertas pelo programa de transferência de renda, ocupando o oitavo posto nesse ranking nacional. São 1.814 famílias beneficiadas do total de 6.524 habitantes locais.

MILICIANOS ESPALHAM O TERROR PELO BRASIL

Milicianos chavistas a serviço do PT, estariam espalhando o terror em todo o País. O clima é de muita tensão, com a derrota eminente, a PTralhada entra em desespero e parte para a violência. A sede da revista Veja foi alvo de ataques terroristas na noite desta sexta-feira, 24/10, após a publicação da matéria onde o doleiro Alberto Youssef diz que a dupla Lula e Dilma sabia de toda a roubalheira que acontecia na Petrobras. Ninguém foi preso.

REVIRAVOLTA!

Reviravolta no Maranhão! Comandada pelo Prefeito Sebastião Madeira, a campanha de Aécio Neves (PSDB), tomou um rumo totalmente diferente neste segundo turno. Já há quem afirme que acontecerá uma reviravolta no resultado. Nesta sexta-feira, 24/10, Madeira fez campanha durante o dia nas cidades de Estreito e Porto Franco, e a noite participou de uma das maiores carreatas da cidade de Grajaú. 

AÉCIO SOBE E A ECONOMIA VAI JUNTO

O tracking BTG aponta Aécio com 52,5% e Dilma com 47,5%. O tracking do Itaú segue a mesma tendência, dando Aécio com 53% e Dilma com 47%. O tracking tucano aponta o candidato do PSDB com 53,5% e a petista com 46,5%. E a pesquisa Sensus, dando Aécio 9 pontos à frente de Dilma animou os investidores e confirmou as pesquisas internas, fazendo a Bolsa subir e o dólar perder valor.
No último pregão antes do segundo turno da eleição presidencial, a Bolsa de Valores de São Paulo (Bovespa) fechou em alta de 2,42%, aos 51.940 pontos. Após iniciar o dia instável, o pregão chegou a marcar alta de 4,65%, mas perdeu intensidade ao longo da tarde. Segundo analistas, o movimento foi reflexo, em grande parte, da divulgação de uma nova pesquisa eleitoral, que aponta vantagem ao candidato Aécio Neves.  Mesmo com o avanço, a Bovespa acumula queda de 6,79% nesta semana. Já o câmbio fechou em queda de 2,18%, a R$ 2,456 para compra e R$ 2,458 para venda. Ao longo do dia, a divisa chegou a recuar 2,6% (para R$ 2,46). Assim, a oscilação da divisa chegou a ser a maior desde o dia 6 de outubro, logo após o primeiro turno das eleições, quando a moeda registrou queda de 3,88% durante o dia. Na semana, o dólar acumula alta de 1,1%. Na quinta-feira, por exemplo, a divisa chegou a fechar a R$ 2,510 - na maior cotação desde dezembro de 2008.

Deu no Coronel

EVENTO PROMOVIDO PELO PT FRACASSA EM IMPERATRIZ

Fracassou! O movimento em apoio a candidata Dilma Roussef (PT), marcado para acontecer na  tarde desta sexta-feira, 24/10, na cidade de Imperatriz, foi um verdadeiro fiasco. Mesmo com uma vasta programação midiática anunciando a presença dos governadores dos Estados do Piauí e do Tocantins, não motivou nem os petistas 'xiitas' a comparecerem.

ATENÇÃO! AVISO AOS USUÁRIOS DO WhatsApp, CUIDADO COM O QUE VOCÊ ESCREVE

O mundo digital vem se modificando com muita rapidez, o que até 'ontem' era uma novidade, 'hoje' já está ultrapassado. Com o fim do MSN e do Orkut, a febre do momento é a troca de mensagens pelo aplicativo WhatsApp, seus usuários pensando estarem em campo livre e desprotegidos pela lei, trocam mensagens onde muitas vezes são escritos textos absurdos, com ofensas e relatos pessoais, muitas vezes narrando fatos íntimos envolvendo determinadas pessoas. Para acabar com essa farra, saiu a primeira condenação onde o juiz André Salomon Tudisco, da 5ª Vara da Família de São Paulo, que usou como provas para embasar a sua decisão, mensagens trocadas no WhatsApp entre autor e réu da ação. Trata-se de uma decisão "avis rara", que versa sobre uma ação de paternidade movida por uma jovem contra o seu namorado. Fique esperto quando for escrever no 'ZAPZAP'!

ROSÂNGELA QUE PENSAVA JÁ SER DEPUTADA, MAS NÃO ERA, AGORA JÁ SE CONSIDERA PREFEITA, MAS NÃO É!

O deputado federal Weverton Rocha (PDT), passou o bastão do PDT em Imperatriz, para Rosângela Curado, que de cara já deu o seu recado para os filiados do partido, disse ela: "quem não estiver se sentindo bem, que se retire". Rosângela Curado quando encerrou a campanha para prefeito, já se achava uma 'deputada', ela não conseguiu virar deputada que pensava ser, agora a ex deputada 'imaginária', já se acha 'prefeita'. Sonhar não custa nada!

AÉCIO NEVES ABRE QUASE 10 PONTOS DE VANTAGEM

Aqui não tem pilantragem! Foi divulgada nesta sexta-feira, 24/10, o resultado de mais uma pesquisa realizada pelo Instituto Sensus, Aécio Neves aparece com 54,6% contra 45,4% de Dilma Roussef. O estátistico do Instituto disse que 'rasga o seu diploma' caso o resultado final diferente.

VEREADORES DENUNCIAM O PREFEITO

Vereadores do município de Buriticupu-MA, 'deduraram' o Prefeito José Gomes ao Tribunal de Contas do Estado, Procuradoria Geral de Justiça, Controladoria Geral da República e ao Ministério Público Federal  por prática de irregularidade na administração dos recursos do Fundeb. A comissão aponta as seguintes irregularidades cometidas pelo chefe do Poder Executivo municipal: descumprimento da lei federal 11.738/08, que dispõe da redução da jornada de trabalho do professor, consubstanciada por decisão judicial deferida pelo poder judiciário do Maranhão (processo n.º 446/75.2014.8.10.0028); Instauração indevida de processos administrativos contra professores e não adequação ao piso nacional do magistério em 8,32%; Os vereadores denunciam ainda a quantidade exorbitante de professores contratados no município; funcionários pagos com recursos do FUNDEB (60%), lotados em outros órgãos, contrariando a lei federal n.º 11.494/07; Unidade de ensinos funcionando em horários intermediários resultando em perdas de horas/aulas para alunos, além de escolas funcionando em residências de aliados políticos; Transportes escolares inadequados utilizados para locomoção de alunos da zona rural para a zona urbana, apesar de haver licitações milionárias para locação de transporte adequado (Ônibus e Vans); prédios escolares necessitando urgentemente de reformas (hidráulicas, elétricas etc.) e a não conclusão das quadras poliesportivas de várias unidades de ensino. Segundo os vereadores, não adianta mais fazer as denúncias para o representante do Ministério Público de Buriticupi, pois o mesmo não vem cumprindo com as suas funções, se transformando em um "ENGAVETADOR DE DENÚNCIAS".
Comissão de vereadores de Buriticupu veio à são Luís denunciar os desmandos do prefeito José Gomes Rodrigues

PENSANDO QUE O BRASIL É CUBA, LULA E DILMA TENTAM BARRAR PUBLICAÇÃO DA REVISTA VEJA

Pensando que o Brasil é Cuba ou a Venezuela, Dilma e Lula tentaram a todo custo barrar a circulação da revista Veja, que traz uma extensa reportagem mostrando que os chefões de toda roubalheira existente na Petrobras, era essa dupla do mal, conforme depoimentos do doleiro Alberto Youssef feitas a Polícia Federal em sua delação premiada.

UM PAÍS DIVIDIDO

Na coluna dessa semana poderia “ir de outro tema”.  Sugeriram-se até  escrever algo sobre a Semana da Ciência e da Tecnologia,   mas como a eleição é no próximo domingo fica  difícil não deixar registradas algumas impressões  sobre esse momento histórico  vivido pelos brasileiros.  Essa, sem dúvida, é uma das mais disputadas eleições presidenciais já registradas no País.  A que chega mais perto da de agora, segundo os analistas políticos, é a de 1989, quando Lula enfrentou o hoje aliado Collor de Mello.

A eleição presidencial deste 2014  é atípica, e  por vários aspectos. Um deles é rapidamente percebido: nunca, desde que me entendo por gente, tivemos uma eleição “tão próxima da gente ” como  essa.

Próxima porque os eleitores se sentem sujeitos do processo e longe daquela  frieza de antigamente. Parece estranho, mas é como se a eleição para presidente fosse local com os candidatos sendo da nossa relação de amizade. Sinal disso é que  os partidários e simpatizante estão indo para as ruas em caminhadas, e carreatas; participam de debates nas praças, filas de banco, na panelada de cada dia, nos bares, escolas, faculdades, e o que é melhor, defendem com bons argumentos seus respectivos projetos.  Os elementos de defesa e ataque estão  sempre na ponta da língua.

A “vedete” dessa eleição, principalmente neste segundo turno, é a grande rede de computadores uma vez que é essa a responsável pela velocidade da distribuição da informação, e da contrainformação no universo virtual.   O eleitor que antes só contava como ferramenta para conhecer as propostas dos candidatos {a presidente} com a gélida da propaganda no rádio e na tv, tem hoje ao seu dispor uma infinidade de outras mídias  que além de envolver a todos, conseguiu o feito de aproxima-los dos disputantes.  Tudo é muito rápido. 

Melhor ter informação demais do que informação de menos, contudo, a  tarefa  decorrente desse  tsunami de informações virtuais advindas das mais diversas fontes  é filtra-las.  Como eleição é  literalmente uma guerra,  nada mais natural do  que analisar bem a informação, checar  a autenticidade da  fonte para que não sejamos induzidos a erro,  e olhe que  em muita gente falta senso critico e  muitos terminam entrando no efeito boiada ou no conhecido  “Maria vai com as outras”.

O envolvimento do eleitor no debate, a intimidade com os candidatos a velocidade da informação integram a parte positiva desse processo democrático da escolha do próximo presidente da república; o outro lado da moeda reside no “vale tudo”, para influir negativamente na vontade do eleitor.   Nesse quesito a equipe da atual presidente saiu-se muito na frente e  conseguiu com uma bem elaborada e pensada campanha midiática dividir o Brasil entre os reconhecidamente pobres e os  a quem  acusam de “ricos”. Mais do que isso, conseguiu inocular o vírus do ódio mútuo bem no meio.  

Além do ódio entre  classes, o ódio entre as diversas  regiões do País também já pode ser sentido por conta da  ardilosa propaganda eleitoral comandada pelos atuais ocupantes do Palácio do Planalto,  e tudo com claros fins eleitoreiros, ou seja, para tentar minar a crescente força  eleitoral do oponente que por sua vez foi obrigado a adotar o discurso da unidade nacional e tem feito isso muito bem.  

O grave em toda essa história é que a estratégia de dividir o País entre pobres, remediados, e os  aparentemente ricos, para tentar ganhar eleição,  além  dos  reflexos eleitorais pode trazer consequências   pós-eleitorais,  inimagináveis, difícil até de se  prevê no momento.

Diante disso é preciso que se pense muito bem no País que queremos daqui para frente:  um País dividido pelo ódio entre as classes sociais ou um País unificado pela força do trabalho e da livre iniciativa com oportunidade para todos?

Domingo, 26, será  um dia “sagrado” para os brasileiros.  Mais uma vez vamos às urnas para eleger o presidente da República, e diante de tão importante momento não podemos perder de vista  a necessidade de   proteger a nossa  democracia de qualquer tipo de  ameaça,  não pela força, mas pelo direito constitucional ao  voto. 


Somos um só Brasil, uma só nação!

Elson Araújo

OS PICARETAS E OS OTÁRIOS

No primeiro turno das eleições, quando muitos acreditavam que o candidato Aécio Neves já estaria fora da disputa, confiando nos números apresentados pelos mesmos institutos de pesquisas que agora mais uma vez, tentam empurra-lo para baixo, o resultado foi outro. Aécio desmascarou as pesquisas mentirosas, obtendo quase 34% dos votos válidos, sendo 62% deles na Região Sudeste. Aécio foi para o segundo turno, e agora com o candidato em franca assenssão, os mesmos institutos de pesquisas 'picaretas', tentam enganar o eleitor, fabricando números que mostram que ele caiu justamente nesta região. Como o Brasil é um País de picaretas, toda picaretagem é válida para permanecer no poder, enchendo o rabo dos picaretas que contribuem com a picaretagem.

PESQUISAS MANIPULADAS TENTAM CONFUDIR O ELEITOR

O candidato do PSDB à Presidência, Aécio Neves, disse nesta quinta-feira que os resultados das últimas pesquisas servirão para mobilizar seus apoiadores e "alertar" aqueles que querem "a mudança". O tucano relativizou os últimos resultados, a exemplo do que fez quando, mesmo em empate técnico, o Datafolha apontou liderança numérica da presidente Dilma Rousseff (PT) na disputa. Novo levantamento divulgado nesta quinta mostra que a petista agora tem uma vantagem de seis pontos sobre o tucano, fora da margem de erro.  "Eu não paro para avaliar pesquisas, se não sequer estaria no segundo turno. Mas aqueles que querem a mudança, fiquem alertas", disse. Ele reconheceu que será uma "eleição disputada", mas fez discurso em tom confiante: "No domingo falarei com vocês [imprensa] como presidente da República". Ele voltou a dizer que as pessoas estão sendo ameaçadas com o fim de programas sociais caso vença a presidente Dilma. Aécio comparou as mobilizações promovidas por aliados em diversas cidades do país nas últimas 48 horas às passeatas pelas eleições diretas, na década de 1980. "Esses eventos espontâneos, que não víamos desde as Diretas [Já], Recife, em Brasília e em São Paulo, por exemplo, isso é forte e será avassalador no domingo", avaliou. Ele encerrou a fala dizendo que a presidente Dilma já é "derrotada" pela "campanha que se propõe a fazer". "A verdade vai vencer a mentira", disse.


Folha Poder

GLALBERT CUTRIM AGRADECE OS VOTOS RECEBIDOS NA REGIÃO TOCANTINA

O deputado eleito Glalbert Cutrim, eleito com mais 86 mil votos, encontra-se na região Tocantina, onde veio pessoalmente agradecer os votos recebidos. Glalbert agradeceu ao Vereador Amilton Miranda pelos mais de 542 votos recebidos na cidade, 'sem ter custado um centavo'. O deputado esta acompanhado do seu irmão Gil Cutrim, prefeito de São José de Ribamar. A família Cutrim está se articulando para ocupar o 'vácuo' existente na política do Maranhão.

QUEM É CRAQUE VOTA EM AÉCIO NEVES!



O craque Neymar abre seu voto e, assim como Romário, Ronaldo, Bebeto, Zico e tantos outros craques, também vai de Aécio Neves!

FLÁVIO DINO É AÉCIO NEVES

Para o bem do Maranhão e para que as mudanças sejam completas, Flávio Dino é Aécio Neves. Flávio Dino já foi alertado pelo seu vice, Carlos Brandão (PSDB), sobre o risco que ambos correm caso Dilma venha ser reeleita, disse o vice governador Carlos Brandão: "votando na candidata adversária, você estará fortalecendo o atual grupo que após 50 anos, conseguimos vencer nestas eleições, eles podem cassar Flávio Dino anulando o seu voto".

VALA ME DEUS! CASO DILMA SE REELEJA, ROSEANA SARNEY PODERÁ VIRAR MINISTRA

Aliada incondicional da presidente Dilma Rousseff (PT), a governadora do Maranhão é cotada para assumir o Ministério de Minas e Energia caso a petista se reeleja. Roseana Sarney (PMDB) já começa a se movimentar e já avisou que deve deixar o governo antes do fim do seu mandato. A manobra acontecerá apenas caso a presidente se reeleja. Com isso, Roseana pretende ter tempo livre para se articular e garantir vaga no segundo governo de Dilma Rousseff.
refinaria-premium-3

CATINGUEIRO É FUZILADO

Empresário do ramo de Postos de combustível é assassinado na BR 135, no Povoado Angical, cerca de 20 Km  de Presidente Dutra,na manha desta quarta feira, 23/10, a vítima Valber Catingueiro 40 anos, foi alvejado com 2 tiros na cabeça.
veja222O crime ocorreu quando a vítima estava em uma Barraca Queijo Bom, quando a dupla chegaram em um veículo de cor branco e executaram o empresário, logo após os disparos os assassinos seguiram em fuga tomando destino desconhecido até então. Valber ainda foi socorrido, mas não resistiu os ferimentos. Catingueiro tinha vários postos de combustível nos municípios de Santa Filomena, São Domingos e Senador Alexandre Costa. Recentemente o empresário teria sido detido pela polícia do Piauí, acusado de está transitando em um veiculo supostamente roubado. De acordo com as informações o empresário não tinha histórico policial. E essa do empresário está com um veículo roubado em seu poder pode ter sido uma emboscada para o reconhecimento da vítima. A polícia ainda não se pronunciou quais linhas de investigações estão sendo adotadas para a elucidação do crime.

DILMA E LULA SABIAM DE TODA A ROUBALHEIRA, AFIRMA DOLEIRO

Na última terça-feira 21/10, o doleiro Alberto Youssef entrou na sala de interrogatórios da Polícia Federal em Curitiba para prestar mais um depoimento em seu processo de delação premiada. Como faz desde o dia 29 de setembro, sentou-se ao lado de seu advogado, pôs os braços sobre a mesa, olhou para a câmera posicionada à sua frente e se colocou à disposição das autoridades para contar tudo o que fez, viu e ouviu enquanto comandou um esquema de lavagem de dinheiro suspeito de movimentar 10 bilhões de reais. A temporada na cadeia produziu mudanças profundas em Youssef. Encarcerado desde março, o doleiro está bem mais magro, tem o rosto pálido, o cabelo raspado e não cultiva mais a barba. O estado de espírito também é outro. Antes afeito às sombras e ao silêncio, Youssef mostra desassombro para denunciar, apontar e distribuir responsabilidades na camarilha que assaltou durante quase uma década os cofres da Petrobras. Com a autoridade de quem atuava como o banco clandestino do esquema, ele adicionou novos personagens à trama criminosa, que agora atinge o topo da República. Perguntado sobre o nível de comprometimento de autoridades no esquema de corrupção na Petrobras, o doleiro foi taxativo:
— O Planalto sabia de tudo!
— Mas quem no Planalto?, perguntou o delegado.
— Lula e Dilma, respondeu o doleiro.
Conheça, nesta edição de VEJA, os detalhes do depoimento que Alberto Youssef prestou às autoridades.
Para ler a continuação dessa reportagem compre, a partir desta sexta-feira, a edição de VEJA no IBA, no tablet ou nas bancas.
Capa - Edição 2397
Deu na Veja